Abdominais Hipopressivos – A Técnica Que Afina Rapidamente o Abdômen

ahp

Alguma vez na vida você já ouviu falar sobre abdominais hipopressivos? Muita gente desconhece e até mesmo nunca ouviu sequer falar desta técnica. Os abdominais hipopressivos fazem parte da vida de muitos atores estadunidenses e constituem um tipo de exercício de contração abdominal com pressão e tensão.

Essa alternativa para a estética corporal começou nos anos 80 e tornou-se algo essencial dentro de muitas academias de musculação e até mesmo em exercícios particulares. Contudo, se faz necessário usar as formas mais tradicionais de exercícios abdominais, pois ambos se complementam, mas em diferentes papéis: a forma mais tradicional estimula o ganho de massa e define a musculatura do abdome, ao passo que, a forma hipopressiva revigora a musculatura reduzindo todo o perímetro da cintura, evitando o acúmulo de gordura.

Como fazer esse tipo de exercício

Você deve, com muito cuidado, contrair a barriga para dentro, segure por uns 20 a 30 segundos, prendendo a respiração. Faça esse exercício em três séries de cinco repetições (cada), com intervalos de 30 a 40 segundos de descanso em cada série. O ideal é fazer ao menos três vezes por semana. O vídeo a seguir, lhe ajudará a entender um pouco da técnica:

Segundo o preparador físico Juan Francisco Marco, professor do Centro de Ciência Esportiva Alto Rendimento, na Espanha, essa técnica consiste em reduzir a cintura, tonificar o abdômen, firmar todo o cinturão pélvico e toda a musculatura da zona lombar. Ele afirma:   “Depende muito da respiração e uma de suas características principais é a apneia (prender a respiração).”

Formas de praticar os abdominais hipopressivos:

Embora existam várias formas, posições e posturas para esse exercício, Juan Francisco Marco alerta para o cuidado de não praticá-las todas logo de início. Assim como qualquer outra forma de exercício, o certo é mudar à medida em que determinada forma se torne adaptada.

Conheça algumas das posturas mais básicas desse exercício:

Alongamento: feito em pé, mantendo o abdome bem apertado, com os braços esticados para cima.

Coaptação: em pé, com o tronco inclinado para frente, os ombros caídos e, nesta posição, mantendo o abdome contraído.

Quadrupedia: posição de ficar de quatro, e manter o abdome contraído.

Existe também a posição em que a pessoa fica sentada com as pernas dobradas e outras posições que podem ser pesquisadas ou até mesmo verificadas com um profissional dessa área.

Atenção aos cuidados!

Melhor seria você procurar orientação com um profissional habilitado que o oriente para a forma correta das posturas, da ativação dos músculos e principalmente da forma correta de prender a respiração. O professor Juan Francisco Marco afirma o seguinte: “Se é feito sem orientação e de forma descontrolada, pode chegar a provocar outras patologias de origem mecânica”.

Esses exercícios não devem ser feitos por mulheres grávidas e nem por pessoas com problemas de pressão alta, devido ao aumento da pressão sanguínea no ato de prender a respiração. Contudo, são excelentes para mulheres no pós-parto, porque eles fortalecerão os músculos profundos do abdômen.

Entenda melhor vendo o vídeo a seguir:

Crédito de imagem: BBC

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

5 comentários em “Abdominais Hipopressivos – A Técnica Que Afina Rapidamente o Abdômen

    1. Camille, realmente existe muita gente que ainda não conhece esta técnica! Sobre sua pergunta, eu prefiro deixá-la consultar uma pessoa profissional e especialista nesse assunto. Para tanto, eu deixarei aqui o link do site de uma pessoa que é minha parceira de blog e formada nessa área em questão. Você poderá tentar um contato e obter sua resposta concreta.

      http://www.janainacintas.com.br/tratamento-de-diastase-abdominal-com-hipopressiva/

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s