Animais Domésticos Podem Transmitir Diversas Doenças

Dog-And-Cat-1855575

Eles são uma diversão para as crianças, servem de companhia para pessoas solitárias, são dóceis e servem até como guias de cegos, no caso, cães treinados para este fim. Contudo, é preciso muito cuidado, pois os animais de estimação podem passar doenças.

 

kitten-bunny_1250034i

Pesquisas relatam que esses bichinhos auxiliam pessoas que fazem algum tratamento, pois a companhia deles ajuda na aceleração da cura. E também melhora o raciocínio de crianças que lidam com eles, inclusive facilitando o relacionamento delas com outras pessoas. No entanto, é preciso ficar atento, principalmente com as crianças, pois segundo o Departamento de Saúde dos Estados Unidos, os bichinhos podem transmitir diversas doenças.

 

CA-pets-gestacao-animais-D-732x412

Filhotes de cães e gatos merecem um cuidado muito especial, pois até os seis meses eles são os que mais excretam vermes em suas fezes. Portanto, devem ficar longe de crianças com menos de 4 anos de idade, um período em que a criança não tem noção de higiene, pegando neles, levando a mão à boca, consequentemente se contaminando.

As doenças mais comuns são:

  • Toxocaríase – causada por um verme (Toxocara) presente nas fezes e secreções de filhotes de cães e gatos. Ela atinge o organismo humano através de alimentos contaminados e por mãos sujas. Os sintomas são febre, problemas respiratórios e distúrbios visuais, inclusive a cegueira.
  • Salmonelose – causada pela salmonela, uma bactéria existente nas fezes de cães, gatos, furões, tartarugas e coelhos. Ela chega ao organismo humano através da água e alimentos contaminados, principalmente no verão. A bactéria entra pela boca e vai diretamente ao intestino. Os sintomas são febre, calafrios e diarreia por até três dias.
  • Bicho geográfico – uma doença de pele contraída na praia no verão, causada pelo Ancylostoma brasiliensis, ou pelo Ancylostoma caninum, presente nas fezes de gatos e cachorros. A bactéria transmite feridas em várias partes do corpo. Recomenda-se a vítima procurar imediatamente um dermatologista.
  • Toxoplasmose – causada por outro protozoário presente nas fezes de gatos. Geralmente se contrai em terra ou objetos contaminados. Os sintomas são os de uma forte gripe.
  • Doença da arranhadura do gato – provocada pela bactéria Bartonella henselae, presente na saliva do gato. Os sintomas são febre, conjuntivite e aumento dos gânglios no pescoço, axilas e órgãos genitais.

Quando estas doenças atingem pessoas saudáveis, costumam desaparecer em poucos dias, porém, caso haja demora na recuperação, aconselha-se buscar a ajuda de um médico. Essas doenças mais preocupam as crianças, devido sua baixa imunidade, e também as pessoas imunodeprimidas por Aids e câncer.

Essas doenças podem ser evitadas quando se tomam alguns cuidados, dentre eles: evitar que as crianças tenham contato com filhotes de cães e gatos; adultos evitarem contato com animais de rua, inclusive se estiverem doentes; buscar ajuda de um médico veterinário; retirar as fezes todo o dia; lavar com água, detergente e usar desinfetante nos lugares onde os animais ficam; lavar bem suas vasilhas de água e comida; lavar bem as mãos antes de pegar em alimentos; não deixar as crianças beijarem os animais e nem comerem próximos ao local onde eles ficam.

No caso de mordida por animais, lavar bem a região com água e sabão e logo procurar um médico.

 

CA-ecologia-guia-aquario-D-732x412Se você tem aquário em casa, use luvas de proteção ao fazer a limpeza do mesmo

 

coelhos

Sobre os coelhos, eles podem transmitir as seguintes doenças:

  • Dermatofitose: mais conhecida como micose, é uma infecção de pele causada por fungos. 
  • Doença de Lyme: os coelhos podem carregar carrapatos infestados pela bactéria causadora do mal. A picada desses insetos provoca desde irritações na pele, náuseas, febre e cansaço até problemas cardíacos e artrite. 
  • Salmonelose: causada por bactéria, a doença é transmitida por meio do contato com as fezes do animal. Nos seres humanos os sintomas são dor abdominal, febre e diarreia.

 

woman-brushing-golden_vjs3r9

É quase impossível não ter esses bichinhos em nosso meio, e conviver com eles, faz parte do cotidiano do ser humano. Portanto, se conhecendo os males que eles podem trazer, mas tomando todas as precauções devidas, você poderá, sim, conviver e aproveitar a satisfação que eles podem oferecer.

 

 

2 comentários em “Animais Domésticos Podem Transmitir Diversas Doenças

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s