A Reforma Protestante e o seu Lado Negativo

reforma-protestant

No último dia 31 de outubro, foi comemorada na maior parte do mundo os 500 anos da Reforma Protestante. Esse foi o maior movimento que já ocorreu dentro de uma igreja cristã. O ponto culminante para o início dessa revolução, foi a venda das indulgências praticada pela então igreja do império romano: Católica Apostólica Romana.

 

indulgences2

O Comércio de indulgências refere-se a abusos cometidos na concessão de indulgências por membros da Igreja Católica. Os primeiros registros dessa prática remontam aproximadamente ao século XIII, e persistem até o XVI.

Na doutrina católica, Indulgência é a remissão total ou parcial, da pena cometida pelos pecados que foram perdoados, ou seja, do mal causado como consequência do pecado já perdoado através da confissão sacramental. Embora no sacramento da penitência a culpa do pecado é removida, e com ele o castigo eterno devido ao pecado mortal, ainda permanece a pena temporal exigida pela Justiça Divina, e essa exigência deve ser cumprida na vida presente ou no depois da morte, isto é, no Purgatório. Uma indulgência oferece ao pecador penitente meios para cumprir esta dívida durante sua vida na terra, reparando o mal que teria sido cometido pelo pecado.

Portanto, deu-se início ao comércio desenfreado da venda de indulgências, ou seja, o pecador teria que comprar o seu perdão em vida, e assim, seria absolvido, podendo  escapar do purgatório. Isso era uma espécie de extorsão, ricos e até mesmo os pobres, eram vítimas dessa chantagem religiosa. Aqueles que tivessem grandes patrimônios, poderiam trocá-los por indulgências e receber a promessa de absolvição dos pecados para ele e seus familiares.

 

reforma-protestante

Foi então que surgiu um movimento reformista no século XVI, comandado por Martinho Lutero, quando através da publicação de suas 95 teses, em 31 de outubro de 1517. Na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg, na Alemanha, protestou, não só contra as indulgências, mas contra diversos pontos da doutrina da Igreja Católica Romana, propondo uma reforma no catolicismo romano. Os princípios fundamentais da Reforma Protestante são conhecidos como os Cinco Solas.

Lutero foi apoiado por vários religiosos e governantes europeus provocando uma revolução religiosa, iniciada na Alemanha, estendendo-se pela Suíça, França, Países Baixos, Reino Unido, Escandinávia e algumas partes do Leste europeu, principalmente os Países Bálticos e a Hungria. O movimento foi bem-sucedido e sua repercussão é vista hoje no mundo inteiro, e ainda permanece uma ameaça contra as antiquadas teses e os dogmas católicos, muitos deles até mesmo contrários aos preceitos bíblicos.

 

tp (1)

Apesar da reforma protestante ter sido vitoriosa e ter o seu lado benéfico, por outro lado, teve os seus aspectos negativos. Embora Martinho Lutero tenha lutado bravamente para desmascarar os dogmas errados do catolicismo e seus conflitos com a verdade da Palavra de D’us, infelizmente ele optou por herdar algumas doutrinas falsas, frutos dos vários concílios dos papados, interagindo com tais doutrinas e as integrando à reforma.

 

8756-integracao-entre-religioes-e-fundamental-para-superar-entraves-historicos

A reforma ainda trouxe diversas rebeliões contra si própria, promovendo a criação de diversas facções religiosas, cada uma com sua espécie de doutrina, de acordo com o pensamento de cada revolucionário. Isto resultou numa variedade de seitas e outras religiões supostamente cristãs. Toda esta situação faz lembrar a época da grande potência babilônica cujo código do governador Hamurabi fez dar liberdade de culto a todos os diferentes povos, escravos vindos de outras nações para dentro da nação babilônica, embora predominasse o respeito pelos seus próprios deuses cujo principal era Marduk. O catolicismo parece ser uma hodierna Babilônia, a raiz, a mãe de todas as religiões que dela ramificaram a partir da reforma protestante. A exemplo de Babel que foi uma confusão de línguas, temos hoje uma Babilônia com sua confusão religiosa.

 

 

 

 

Anúncios

4 comentários em “A Reforma Protestante e o seu Lado Negativo

    1. Às vezes eu fico a imaginar se ao invés da revolução, melhor teria sido um diálogo entre as partes envolvidas. Isso trouxe diversas sequelas e dividiu a fé numa pluralidade de assuntos e consequentemente, muita confusão.
      Minha amiga Gabriella, obrigado pela honra da sua participação a qual me deixa lisonjeado!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s