Autismo – Um Silêncio que Fala Muita Coisa

autismo_terapia-670xXx80_0

Crianças retraídas, isoladas das pessoas, que falam repetidas vezes  as mesmas palavras e usam de gestos repetitivos, merecem uma atenção muito especial, pois tais manifestações, são um indício de autismo.

 

DSCN25521

Pior que uma doença, o autismo é uma anomalia neurológica manifestada em crianças e que as impede de se comunicar com os outros. Esta síndrome vem sendo estudada há mais de meio século e que atinge crianças no mundo todo. Pode ser definida por alterações presentes desde a mais delicada idade, ou seja, antes dos três anos de idade. É nesta fase que a criança autista apresenta mudanças de assuntos dentro de uma comunicação, não conseguem interagir com as pessoas e usam muito a imaginação.

 

2a49ae62e30342cd0543c9be6c3bfcb6_M

Embora a causa do autismo ainda não seja conhecida, mas há casos que se relacionam com a fenilcetonúria (carência hereditária de determinadas enzimas), com a síndrome de X frágil (alteração cromossômica) com a encefalite (infecção do cérebro e da medula) e até mesmo com uma infecção viral, como a rubéola congênita.

 

12_autism_3

Em estudos sobre gêmeos, verificou-se que a perturbação pode, em parte, ser algo genético. Se um deles for autista, há grande probabilidade de o outro também vir a ser.

A cura para o problema ainda não foi descoberta, mas um diagnóstico prematuro pode contribuir para uma melhora significativa, aprimorando a qualidade de vida do autista e melhorando sua interação no meio social.

 

Dr-Vibha-Krishnamurthy

Quando o médico é informado dos sintomas apresentados pela criança, ele sugere que o caso seja acompanhado por especialistas ainda na sua fase inicial de crescimento. Se for confirmado o diagnóstico, o autista será prontamente encaminhado a um centro de apoio. Daí a importância de os pais estarem atentos e relatarem suas impressões ao médico.

Infelizmente o tratamento nem sempre é acessível a todas as famílias, pois trata-se de um serviço especial voltado para todas as necessidades desse tipo de paciente. E além do autista, seus pais também precisam de orientações, pois eles auxiliarão dentro do convívio familiar.

 

jesse__son_07171604_01

 

Principais sintomas da doença

Se a criança apresentar pelo menos metade dos sintomas que serão mostrados agora, é recomendável que se procure uma avaliação de especialistas, pois estes são indícios de que sofra da doença.

  • Isolamento ou dificuldades de conviver com outras pessoas.
  • Risadas inadequadas e sem motivo aparente.
  • Não aceita carinho ou expressão de afeto.
  • É muito birrento.
  • Não dá atenção a quem está por perto, como se não percebesse os outros.
  • Repetição involuntária de frases ou palavras.
  • Age como se não ouvisse ninguém (comportamento surdo).
  • Aponta os dedos ou faz gestos em vez de falar o que o interessa.
  • Gosta de fazer girar objetos.
  • Não consegue se adaptar às mudanças na rotina.
  • É desajustado com brinquedos ou outros objetos.
  • Não consegue ficar no meio de uma roda de pessoas.
  • Atividade excessiva ou falta de atividade.
  • Não aceita os métodos normais de ensino.
  • Dificuldades das capacidades motoras.
  • Dificuldades para jogar bola.
  • Pouca sensibilidade à dor.
  • Não demonstra medo diante de algum perigo.
  • Às vezes é agressivo consigo mesmo

 

 

11 comentários em “Autismo – Um Silêncio que Fala Muita Coisa

    1. Carol, eu que lhe agradeço pela sua sempre honrosa participação! Sobre a matéria, eu acredito que seja um tema que deveria ser mais abordado pela imprensa e por toda mídia social, visto, ser de um caráter de suma importância.

      Curtido por 1 pessoa

  1. Exatamente amigo, até pq convivemos com eles todos os dias e em todos os lugares aonde vamos é importante mais informação assim ficamos pronto pra saber com tratar e cuidar de pessoas tão especias assim 💛 um abraço grande, e uma boa tarde meu amigo!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Amiga Rosilene, agradeço-lhe pela sua atenção e participação nesta matéria! Realmente deveria haver uma repercussão bem maior nesse assunto por se tratar de um problema que requer atenção especial.
      Abraços, amiga!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s